A vida sem dúvida é inerente aos desafios. No entanto, alguns de nós temos muita dificuldade ou a impossibilidade de resolvê-los, dependendo do quão saudáveis estamos por dentro. A depressão, por exemplo, é uma das doenças que causa esses bloqueios e impedimentos, onde o desafio, muitas vezes, acaba tornando-se enxergar o próprio motivo da vida ou entender para onde se foi aquela alegria de fazer coisas prazerosas que se tinha no passado.

E, para buscar trazer conhecimento sobre essa doença tão difundida nos dias de hoje, separamos 7 hábitos cujo auxílio para as pessoas que os praticam deveria ser a busca por tratamento psicológico. Veja a seguir:

7 – Fingir que está tudo ok



A ideia de que todos os que sofrem de depressão têm uma personalidade “para baixo” não é verdade. A depressão é mais do que apenas uma tristeza profunda. Aqueles que convivem com a doença aprenderam a alterar seu estado de ânimo aparente e podem até parecerem pessoas aparentemente “felizes”.

Afinal, quem não responde “tudo bem” ao ser questionado como está? Qualquer um pode colocar uma máscara, a qualquer momento. Muitas vezes, aqueles com depressão tentam manter as partes positivas e públicas de seu comportamento, independentemente do que estão sentindo por dentro.

6 – Perda de interesse em coisas que antes sentia prazer


A característica essencial de um episódio depressivo maior é um período de pelo menos duas semanas em que há uma falta de prazer em quase todas as atividades. Isso pode acabar fazendo com que encontrar energia para fazer qualquer coisa se torne bastante difícil.

Embora a depressão possa fazer sentir que ficar na cama o dia todo é a única opção, estudos mostram que exercícios moderados (caminhadas de 20 a 40 minutos, 3 vezes por semana) é eficaz na diminuição da depressão a longo prazo para pessoas que se encontram nesse estado.

5 – Maus hábitos de sono


O distúrbio no sono é, na verdade, um dos sintomas da depressão e pode ativar um ciclo de sono prejudicial. Problemas com o sono podem ir da dificuldade em adormecer e manter-se dormindo até o excesso de sono.

Para complicar, a privação crônica do sono também é um fator desencadeante da depressão. Um estudo com adolescentes descobriu que a redução da quantidade de sono aumenta o risco de depressão, o que, por sua vez, aumenta o risco de sono reduzido. Pode parecer um ciclo sem fim.

4 – Mudança de hábitos alimentares


Acredite ou não, o alimento que você ingere pode impactar negativamente na sua saúde emocional. Um estudo no American Journal of Psychiatry descobriu uma ligação entre dietas ricas em alimentos processados, grãos refinados, produtos açucarados, cerveja e um aumento nas taxas de depressão e ansiedade entre as mulheres.

Muitas pessoas buscam alimentos que trazem “conforto” quando lutam com emoções difíceis, e um dos sintomas da depressão inclui mudanças nos hábitos alimentares, resultando em perda de peso significativa ou ganho de peso.

3 – Crises existenciais


Nem todas as pessoas com depressão já tiveram pensamentos suicidas. No entanto, a depressão frequentemente invoca um processo de pensamento único e complexo sobre a vida em geral – muito frequentemente um vazio existencial.

Enfrentar a própria mortalidade geralmente acontece em momentos de desespero e acontece quando você está furiosamente buscando respostas para todas as questões da vida e não consegue ver sentido algum. Ser arrastado para dentro e para fora desse processo de crise existencial pode aumentar a frequência de ataques de pânico e do vazio interior da pessoa em depressão, levando a problemas gravíssimos como isolamento e a vontade de não mais viver.

2 – Expressão artística


As pessoas que vivem com depressão podem não ser visíveis a olho nu e muitas vezes se expressam de maneiras incríveis. Elas geralmente vivem em contato com seus questionamentos, emoções e as partes mais profundas de si mesmas, sendo grandes artistas e mostrando muito talento. Muitos dos artistas, músicos e líderes mais inspiradores e capazes de mudar de vida deste mundo também foram atormentados pela depressão e, infelizmente, alguns já foram levados por perderem a luta.

1 – Mestres em inventar histórias


Pode ser para qualquer coisa – desde cortes em si mesmos até o motivo de terem evitado o jantar. As pessoas que vivem com diferentes formas de depressão experimentam várias dificuldades que podem, às vezes, impedir a normalidade de suas vidas diárias. Nestes casos, elas sabem o que dizer para evitar a atenção dos outros para essas manifestações de dor. Muitas vezes, isso também ocorre por sentirem que estão atrapalhando os outros, de modo que evitam abrir seus problemas a pessoas que amam.

A depressão é uma condição médica séria que pode ser tratada e curada com tratamento psicológico e aconselhamento. Se você se encontra “nela” ou conhece alguém que esteja, não deixe de buscar alguma forma de ajuda profissional.


Via Healthline e Huffpost

 

RECOMENDAMOS


Pensador Anônimo
O Pensador Anônimo aborda todos os temas relacionados à sociedade. Além de estimular e abrir debates sobre os temas citados, também busca trazer notícias pertinentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here