LiteraturaPensamento Mundo

O homem mais rico do mundo. O comovente conto do vendedor de Jornais

O conto do homem mais rico do mundo!

Alguém um dia perguntou ao homem mais rico do mundo:  “Há alguém mais rico do que você neste mundo?”

Então ele respondeu:”Sim, há uma pessoa que é mais rica do que eu”.

Depois contou uma história:

Foi durante o tempo em que eu não era rico nem famoso. Eu estava no aeroporto quando vi um vendedor de jornais. Eu queria comprar um jornal, e ao tê-lo nas minhas mãos descobri que não tinha moedas suficientes. Então, deixei de lado a ideia de comprar e devolvi o jornal ao vendedor. Eu disse-lhe que não tinha a moedas.

O vendedor então disse: “eu estou te dando isso de graça”.

Diante da sua insistência, levei o jornal.

Casualmente, depois de 2 a 3 meses, aterrizei no mesmo aeroporto e novamente me faltavam moedas para comprar um jornal. O vendedor ofereceu-me o jornal de graça novamente. Eu recusei e disse-lhe que não podia aceitá-lo porque nessa ocasião também não tinha nenhum tostão.

Ele disse: “você pode levá-lo, estou compartilhando isso dos meus ganhos, não estarei perdendo”. peguei o jornal.

Depois de 19 anos eu me tornei famoso e conhecido pelas pessoas. De repente, lembrei-me desse vendedor. Comecei a procurá-lo e depois de aproximadamente 1 mês e meio de busca eu encontrei.

Eu perguntei a ele: ” você me conhece?”
Ele disse: “Sim, é claro que conheço”.
Perguntei-lhe de novo: ” Lembra-te uma vez que me deste o jornal grátis?”
O vendedor disse: “Sim, eu lembro-me, te dei duas vezes”.
Eu disse-lhe :” eu quero pagar a ajuda que você me deu essas duas vezes. O que você quiser na sua vida, diga-me, eu dou “.
O vendedor disse: ” Senhor, acredite que ao fazer isso não poderá igualar a minha ajuda?”
Eu perguntei por quê?”
Ele disse: ” Eu te ajudei quando eu era um pobre vendedor de jornais e agora você está tentando me ajudar quando você se tornou o homem mais rico do mundo.
Como pode sua ajuda igualar a minha?”

Nesse dia, percebi que o vendedor de jornais era mais rico do que eu, porque ele não esperou se tornar rico para ajudar alguém.

As pessoas precisam entender que os verdadeiramente ricos são aqueles que possuem um coração rico, em vez de muito dinheiro. É realmente importante ter um coração rico para ajudar os outros.
É muito fácil dar quando nos sobra, o difícil é compartilhar, ainda sem ter muito para dar.

OBS: Essa postagem é um conto, uma parábola, e não retrata um fato real!

Etiquetas

Ademir Fábio Quinot Ströher - ( Duda Renovatio )

Pai da Sophie e do Gael Cursou Análise e Desenvolvimento de Sistemas (UDESC) e Filosofia (UFSC), juntando as duas paixões que são a tecnologia e o livre pensar. Idealizador e criador do Portal Pensador Anônimo, o qual foi projeto de TCC (Filosofia da informação) do curso de Filosofia, colocado em prática as teses do Filósofo Francês, Pierre Lévy,( Inteligência coletiva; Cibercultura; Ciberdemocracia). Que a força esteja com vocês!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Caro leitor, a publicidade é a nossa fonte de renda para manter a estrutura física, intelectual e humana. Para continuar a leitura, por favor desativar o bloqueador de publicidade do seu navegador! Obrigado!