Um estudo sobre o Mar do Caribe revelou que esta região emite sons misteriosos, tão altos que podem ser “ouvidos” do espaço sob a forma de oscilações do campo de gravidade da Terra. Limitado pela América do Sul, América Central e as ilhas do Caribe, estas águas cobrem uma área de cerca de 2.754.000 km².

Um grupo de pesquisadores oceânicos da Universidade de Liverpool analisou os níveis do mar e as leituras de pressão do fundo do mar utilizando quatro modelos diferentes de atividade oceânica no mar durante o período de 1958 a 2013, bem como utilizando a informação dos indicadores de marés e medições de gravidade por satélite.

Eles acabaram descobrindo um fenômeno que foi batizado de “apito Rossby” que acontece quando uma onda Rossby – uma grande onda que se propaga lentamente para o oeste no oceano – interage com o fundo do mar.

Este fenômeno faz com que a onda morra na fronteira ocidental e reapareça no lado oriental da bacia, esta interação tem sido descrita como um “buraco de verme Rossby”. Apenas ondas de comprimento particular podem sobreviver a este processo sem se anularem, mas estas ondas particulares reforçam-se a si próprias, produzindo uma oscilação com tempo definido.

Como resultado, a água entra e sai da bacia a cada 120 dias. Esta mudança de massa é suficiente para fazer mudanças no campo de gravidade da Terra que pode ser medido a partir de satélites. O prazo de 120 dias significa que este apito toca uma nota de escala A, embora esteja muitas oitavas abaixo do alcance audível.

Neste vídeo o som foi colocado em várias oitavas para que possa ser audível aos ouvidos humanos.

O professor Chris Hughes, especialista em Ciências do Nível do Mar na Universidade de Liverpool, disse: “Podemos comparar a atividade oceânica no Mar do Caribe com a de um apito. Quando você sopra em um apito, o jato de ar se torna instável e excita a onda sonora ressonante que entra na cavidade do apito. Como o apito está aberto, o som irradia para que você possa ouvi-lo.

“Da mesma forma, uma corrente oceânica que flui através do Mar do Caribe se torna instável e excita uma ressonância de um tipo de onda oceânica bastante estranho chamada “onda Rossby”. Como o Mar do Caribe está parcialmente aberto, isto provoca uma troca de água com o resto do oceano que nos permite ‘ouvir’ a ressonância usando medidas de gravidade”.

Os cientistas acreditam que o “apito de Rossby” pode ter um impacto em todo o Atlântico Norte, pois regula o fluxo na Corrente do Caribe, que é o precursor da Corrente do Golfo, uma importante engrenagem no motor climático do oceano.

O artigo científico foi publicado na revista Geophysical Research Letters, você pode acessá-lo clicando aqui.


FONTE / Universidade de Liverpool

Ademir Fábio Quinot Ströher - ( Duda Renovatio )
Pai da Sophie e do Gael Cursou Análise e Desenvolvimento de Sistemas (UDESC) e Filosofia (UFSC), juntando as duas paixões que são a tecnologia e o livre pensar. Idealizador e criador do Portal Pensador Anônimo, o qual foi projeto de TCC (Filosofia da informação) do curso de Filosofia, colocado em prática as teses do Filósofo Francês, Pierre Lévy,( Inteligência coletiva; Cibercultura; Ciberdemocracia). Que a força esteja com vocês!